Não é bom pensar na possível ocorrência de acidentes e fatalidades, mas, se você vive alguma relação de interdependência financeira na sua família, esse pode ser um fator importante a ser considerado.

Contratar um seguro de vida é fundamental para proteger o seu patrimônio e manter a qualidade de vida e a tranquilidade financeira dos seus familiares. O beneficiário pode, inclusive, ser o próprio cliente em caso de invalidez, doenças graves, desemprego, entre outros.

Leia o post a seguir e confira algumas razões que podem ajudar você a decidir fazer um seguro de vida.

  1. Proteção financeira para seus dependentes

O principal motivo alegado pelos clientes do seguro de vida é a preocupação com a estabilidade financeira de seus familiares. Uma eventual fatalidade pode acabar com todos os planejamentos da família e interromper contratos, estudos, tratamentos médicos, gerar dívidas, etc.

Portanto, contratar um seguro é a melhor alternativa para se precaver de alguma adversidade que interfira no patrimônio familiar e impeça a continuidade das atividades de cada um.

  1. Beneficiar uma terceira pessoa

Às vezes, a sua herança pode ser o suficiente para a estabilidade financeira da sua família após a divisão de bens, porém, pode ser do seu interesse beneficiar uma terceira pessoa, um novo cônjuge, um afilhado ou qualquer outro.

Enquanto a partilha da herança deve seguir regras estipuladas pelo Código Civil Brasileiro, o beneficiário do seguro pode ser escolhido livremente e ser substituído a qualquer momento. Apenas quando não houver indicação, metade do capital é pago ao cônjuge e o restante dividido entre os herdeiros.

Outra vantagem é que a indenização recebida pela seguradora não recebe incidência de Imposto de Renda.

  1. Cobrir despesas emergenciais

Não que haja muitos benefícios quando tratamos de morte, mas atenuar as dificuldades depois de um óbito é importante até mesmo para não prolongar o sofrimento.

Ao contrário do quão burocrático pode ser um processo de inventário, a seguradora normalmente tem até 30 dias para pagar a indenização aos beneficiários. Além disso, existem diversas coberturas específicas que cobrem despesas com funeral, seja através das empresas credenciadas pela seguradora ou pelo reembolso dos custos.

Sobretudo para famílias com baixo poder aquisitivo, receber esse auxílio e a indenização com rapidez pode ser crucial para resolver outras questões, como o próprio inventário.

  1. Benefício próprio

Não só na sua família, mas você deve pensar também na sua própria segurança financeira. Há algumas coberturas de seguro de vida que garantem uma indenização ao segurado que sofra algum infortúnio que comprometa a sua renda.

Dentre os casos mais comuns estão: invalidez por acidente, invalidez permanente por doença, incapacidade temporária, doenças graves, desemprego, perda de renda, etc. Inclusive, as despesas com médicos e hospitais podem entrar na negociação.

Gostou de saber mais sobre o seguro de vida? Aproveite e faça já um orçamento para conhecer as nossas vantagens!